I Mostra de Arte e Artesanato do TCE

Produção de bordados em ponto cruz da senhora Regina Miranda.

Roupas de bonecas, trabalho cuidadoso e delicado da funcionária Jane Souza.

Os sabonetes coloridos e de aromas diversos custam entre R$ 1,50 e R$ 2,00.

Cada abajur tem um motivo diferente, mas a beleza e a delicadeza estão em todas as peças. Os preços variam entre R$ 30,00 e R$ 45,00.

A funcionária Alessandra Penafort levou arranjos de flores produzidos por sua família.

O bolo em forma de camisa masculina, com gravata, foi apresentado pela funcionária Vanôsa Magalhães, que é especialista em confeitos a base de pasta americana. Custa R$ 50,00 e pode ser feito com diversos motivos.

A Conselheira Raquel Capiberibe troca idéias com a funcionária Rosa Souza, que apresentou quadros e bordados.

Hanne Capiberibe, assessora de comunicação do TCE, apresenta a exposição para o presidente do sindicato da casa, Jeovan Teixeira.

Pintura vitral em vasos e bombonieres e oratórios de madeira fazem parte da mostra.

Funcionária Eliana Montenegro explica sua técnica de fabricação de sabonetes glicerinados para o presidente da Associação dos Servidores do TCE, Roberto Campos.

Cena geral do plenário do TCE/AP onde ocorre, até a próxima sexta-feira (29), a I Mostra de Arte e Artesanato dos funcionários da casa.

Neuza e Ramona Penafort participam da mostra com arranjos florais em cores e tamanhos diversos.

Presidente do TCE, conselheiro Manoel Dias, visitou a mostra e ficou satisfeito com o que viu. É dele a idéia de descobrir talentos e humanizar as relações de trabalho no tribunal.

Funcionárioas Fátima Botelho e Naira Mazurek analisam os detalhes das almofadas bordadas.

Eliana Montenegro, de férias, retornou para participar da mostra com sua fabricação caseira de sabonetes glicerinados.