Acre faz seminário
sobre biodiversidade

O Seminário Internacional "Biodiversidade: controle social no uso e na repartição dos benefícios" faz parte do Workshop Internacional de Manejo Local de Agrobiodiversidade, que acontecerá em Rio Branco - AC de 09 a 19 de maio de 2002, sendo o ponto culminante e mais importante do Projeto Cultivando a Diversidade, lançado em janeiro de 2000 pelo GRAIN - Genetic Resources Action International (www.grain.org/gd)

Um dos principais objetivos deste Seminário é oportunizar a troca de experiências entre as populações tradicionais e as estratégias para o desenvolvimento sustentável mundial, já que os participantes são homens e mulheres agricultores, pescadores, camponeses, pastores e povos indígenas dos diferentes paises da Ásia, África e América Latina.

Considerando que o ano de 2002 é um momento de celebração dos dez anos da UNCED ( Rio 92) e da Convenção da Biodiversidade, este evento aproveita a oportunidade em que estarão reunidas personalidades de destaque no âmbito internacional, nacional e estadual - como lideranças comunitárias e representantes de organizações governamentais e não governamentais, para discutir sobre o controle social, os direitos de propriedade intelectual, a legislação de acesso a biodiversidade,as políticas publicas para o uso sustentável dos recursos naturais, entre outros temas relevantes ao processo preparatório da RIO+10, e procura vislumbrar estratégias para enfrentar os desafios comuns.

Programação:

Dia 16 de Maio, 9:00 - 9:30 Abertura

- Ministério do Meio Ambiente - Ministro

- Governo do Estado - Governador Jorge Viana, Secretário de
Floresta e Extrativismo Carlos Antônio Vicente e Secretário de Tecnologia e meio Ambiente Edgar de Deus

- GTA- Acre - Jacqueline Villarreal e Leide Aquino


- Representante do grupo do Wokshop Internacional - Ângela Cordeiro e Henk Hobbelink

9:30 - 10:45
- Políticas e estratégias do setor público para o uso sustentável da biodiversidade

- A Política Nacional de Biodiversidade - Dr. Bráulio Dias

- Diretoria de Biodiversidade - Ministério do Meio Ambiente

- Programas de apoio às comunidades extrativistas da Amazônia - Mary Alegretti SCA/MMA

- Programa Brasileiro de Ecologia Molecular para uso Sustentável
da Biodiversidade da Amazônia - PROBEM - nome ainda não confirmado

- Políticas Governamentais do Estado do Acre para o Uso
sustentável da Biodiversidade - Carlos Vicente - SEFE

- Acordos Internacionais e Uso Sustentável da Biodiversidade -
Henk Hobbelink - GRAIN.

10:45 - 11:00 - Cafezinho

11:00 - 12:00 - Debate

12:00 - 14:30 - Refeição

14:30 - 15:45 - Propriedade Intelectual, Biopirataria e Biodiversidade

- Propriedade Intelectual e Biodiversidade: panorama global -
Carlos Vicente - GRAIN América Latina

- Propriedade Intelectual e Biodiversidade no Brasil - Margareth
Maia da Rocha - Diretoria de Patentes - INPI

- A Legislação Modelo da Organização da Unidade Africana - Dr.
Robert Ali Brac de la Perriére - Growing Diversity Project / BEDE
Montpellier - França

- Casos de Biopirataria na África - Jeanne ZOUNDJIHEKPON -
GRAIN - África

- Casos de Biopirataria na Amazônia Brasileira - nome ainda não
confirmado

15:45 - 16:15 - Café
16:15 - 17:30 - Debate

Dia 17 de Maio -

9:00 - 10:15 - Controle social e Legislação de Acesso à Biodiversidade

- Lei de Biodiversidade da Costa Rica - Dra. Silvia Rodrigues -
Universidade Nacional da Costa Rica

- Lei de Biodiversidade das Filipinas - Dr. Oscar Zamora -
Universidade de Los Baños - Filipinas

- Legislação Brasileira de acesso à Biodiversidade - Senadora
Marina Silva

- Desafios para Incorporar o Controle Social no Uso da Biodiversidade - Dr. Michel Pimbert - International Institute for
Environment and Development - Inglaterra

10:15 - 10:45 - Café
10:45 - 12:00 - Debate

14:30 - 15:15 - Propostas para a fortalecer o controle social sobre uso e repartição dos benefícios da biodiversidade

- Propostas resultantes do Projeto Cultivando Diversidade na
Ásia - representante asiático dos participantes do Workshop Internacional

- Propostas resultantes do Projeto Cultivando Diversidade na
África - representante africano dos participantes do Workshop Internacional

- Propostas resultantes do Projeto Cultivando Diversidade na
América Latina - representante Latino Americano dos participantes do Workshop Internacional

- Propostas para a fortalecer o controle social sobre uso e repartição dos benefícios da biodiversidade brasileira - GTA

15:15 - 16:00 - Debate
16:00 - 16:30 - Café

16:30 - Conclusões e considerações finais (Resumo do facilitador)

17:00 - Encerramento

20:00 - FORRO INTERNACIONAL DA DIVERSIDADE - Espaço do SEBRAE
-----------------------------------


Bombons da Sol
Bombons de chocolate com recheio de frutas regionais.
Deliciosos,
Pedidos pelos telefones 223 4335 e 9964 7433


Tia Neném
Lanches, sucos naturais e comidas regonais e nacionais.
Tacacá especial.
Tradição de 30 anos.
Cônego Domingos Maltez próximo da Eliezer Levy



 

Catinga de mulata
Catinga é cheiro ruim, mas "Catinga de mulata"é cheiro bom, tanto que virou nome de perfume nos idos dos anos cinquenta
Remanso
Ponto onde o rio se alarga, a terra forma uma reentrância e as águas ficam mais calmas
Bubuia

Aquelas minúsculas bolhas de espuma que se formam na corrente do rio. Viajar de bubuia é ser levado pelas águas. "De bubuia, título de canção popular.
Piracema

Época em que cardumes de peixes sobem os rios para a desova
Pedra do rio
Diz a lenda que que são as lágrimas de uma índia que chorava a perda do amado. É onde está a íagem de São José, na frente de Macapá.
Macapá
Vem de Macapaba, ou "estância das bacabas".
Bacaba
Fruto de uma palmeira, a bacabeira. O fruto produz um vinho grosso parecido com o o açai.
Curumim
Menino na linguagem dos índios, expressão adotada pelos brancos em alguns lugares.
Jurupary
O demônio da floresta tem os olhos de fogo, e quem o vê, de frente, não volta para contar a história.
Yara
É a mãe d'água. Habita os rios, encanta com a suavidade da voz, e leva pessoas para o castelo onde mora, no fundo do rio.
Pitiú
Cheiro forte de peixe, boto, cobra, jacaré e
outros animais.
Ilharga
Perto ou em volta de alguma coisa
Jacaré Açu
Jacaré grande.
Jacaré Tinga
Jacaré pequeno
Panema
Pessoa sem sorte, azarada. Rio em peixe.
Sumano
Simplificação da expressão"ei seu mano",que é usada por quem passa pelo meio do rio para saudar quem se encontra nas margens
Caruana
Espíritos do bem que habitam as águas e protegem as plantas os homens e os animais.
Inhaca
Cheiro forte de maresia, de axilas de homem, de peixe ou de mulher
Tucuju
Nação indígena que habitava a margem esquerda do rio Amazonas, no local onde hoje está localizada a cidade de Macapá.
Montaria
Identifica tanto o cavalo como a canoa pequena, de remo.
Porrudo
Grande, enorme, muito forte ou muito gordo
Boiúna.
Cobra grande, capaz de engolir uma canoa.(Lenda)
Massaranduba
Madeira de lei, pessoa grosseira, mal educada.
Acapu
Madeira preta, gente grossa mal educada.