ÚLTIMA SEMANA PARA O RECADASTRAMENTO
PROFISSIONAL GRATUITO DO CREA-AP

O prazo para o Recadastramento Profissional gratuito do Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia (Crea-AP) encerra no próximo sábado, 30 de junho, e não será prorrogado. É o que informa o titular da Gerência Técnica (Getec) do Conselho, Teodoro Rabelo, acrescentando que depois dessa data, o Recadastramento só poderá ser efetuado mediante o pagamento de uma taxa, que pode chegar a 50% do valor correspondente ao registro profissional, conforme estabelece a Resolução nº 494/2006, do Conselho Federal (Confea).

"A campanha pelo Recadastramento Profissional teve início, em todo o Brasil, em agosto do ano passado. De lá para cá, o Crea-AP tem utilizado todos os meios de comunicação disponíveis para sensibilizar os profissionais registrados e vistados no Conselho sobre a necessidade de atualização das informações cadastrais no banco de dados do Sistema Profissional", revela.

Uma das principais finalidades do Recadastramento é substituir as atuais carteiras por uma nova identidade profissional, que além de ter validade em todo território nacional, possui diversos mecanismos de segurança que a tornam praticamente à prova de falsificação.

O Recadastramento Profissional permitirá também a implementação do Sistema de Informações Confea/Crea (SIC), um banco de dados nacional, seguro e confiável, que possibilitará acesso mais rápido e desburocratizado a qualquer informação disponível no sistema, facilitando ainda a utilização de serviços como o registro de Anotação de Responsabilidade Técnica (ART), retirada de Certidões e consulta ao Acervo Técnico.

"Quem ganha com isso é a própria sociedade, que passa a ter uma melhor proteção contra o exercício ilegal das profissões regulamentadas pelo Sistema", comenta Rabelo.

Para proceder ao Recadastramento basta que o profissional se dirija ao Crea-AP (Av. Raimundo Alvares da Consta, 1597 - Centro) ou à Inspetoria de Santana (Av. Santana, 1028 - Comercial) munido de 2 fotos 3x4 coloridas recentes e preencha um formulário. As informações tabuladas seguem então para o Confea, onde serão processadas. Com 15 dias, ele recebe uma carteira provissória, e num prazo máximo de 60 dias a carteira definitiva.

Se por qualquer motivo, o profissional não responder a convocação para o Recadastramento gratuito até o dia 30 de junho, ele ainda poderá fazê-lo até o dia 31 de dezembro de 2007 - data limite para realizar o procedimento -, mas sem ter direito a essa vantagem.

Após o dia 31 de dezembro de 2007, as atuais carteiras de identidade profissional perderão a validade, impossibilitando seus usuários de exercerem legalmente a profissão.