Estudantes amapaenses participam do Projeto Rondon em Mato Grosso

Amapá é escolhido para receber o Projeto Rondon em 14 municípios e prestar auxílio em outros estados do Brasil

Joicilene Santos


Oito estudantes representam o Amapá no Projeto Rondon. Os acadêmicos atuarão em Arenápolis, no Mato Grosso, onde devem permanecer por 24 dias realizando atividades de cidadania e bem estar. Este ano os amapaenses participam da Operação que comemora 100 anos de atuação do Projeto Rondon.

A equipe de acadêmicos estuda na Faculdade Seama, a única instituição de ensino superior do Amapá a participar do Projeto. Os estudantes são de diferentes cursos entre eles Relações Públicas, Publicidade e Propaganda, Turismo e Sistemas da Informação. A idéia é que cada estudante possa contribuir integrando seu conhecimento com as demais áreas.

Os rondonistas da Seama estão preparados para ofertar várias oficinas aos moradores do município de Arenápolis, uma delas é a oficina “Ser Cidadão”, em que os membros acadêmicos usarão um processo de sensibilização dos direitos inerentes a cada cidadão para despertar em cada um o desejo de poder melhorar a comunidade.

“A Faculdade Seama irá realizar nove oficinas no Município de Arenápolis, a intenção é aproveitar os 24 dias no município para disseminar trabalhos sociais e conscientizar a população de que, juntos eles conseguem melhorias para o município”, finaliza a coordenadora da equipe Ana Lúcia.

Rondon no Amapá

Este ano o Amapá além de enviar acadêmicos para outro estado também vai receber estudantes de outras partes do Brasil. Cerca de 170 rondonistas estarão desembarcando no dia 06 de julho em solo amapaense. Os estudantes serão divididos entre 11 municípios para executar atividades que auxiliem o desenvolvimento das áreas atendidas.