Estagiário de direito


O presidente de uma grande empresa, sentado em sua enorme sala e sem absolutamente nada para fazer, começa a pensar sobre o que é trabalho e o que é lazer em seu dia-a-dia. Após uma enorme lista de diversões ele chegou ao item "transar a esposa", com a qual já está casado há 15 anos.

Sem conseguir concluir ao certo se transar com sua esposa é trabalho ou prazer ele chama o vice-presidente em sua sala. Um pouco menos desocupado, o vice para de ler as reportagens sobre a empresa que haviam sido publicadas no jornal e vai até a sala do presidente, que lhe pergunta:

- Transar com minha esposa é trabalho ou prazer ?

O vice pensa alguns segundos, e incerto da resposta pede duas horas para responder. Volta para sua sala, chama o diretor geral da empresa e faz a mesma pergunta:
" - Quando o presidente dorme com a mulher dele é trabalho ou prazer?" -
dando ao diretor geral o prazo de uma hora para responder.

Imediatamente o diretor geral, mesmo sem nada pra fazer, delega a função para ao diretor jurídico que passa a pergunta para o advogado sênior e assim vai até chegar no babaca do advogado júnior (que se formou há seis meses mas esqueceu que foi estagiário). Assim como o resto da empresa o advogado jr. fica na dúvida e vai até a mesa de seu estagiário:

- Você tem cinco minutos pra descobrir se quando o presidente transa com a mulher dele é trabalho ou prazer!

O estagiário então, sem parar de digitar com a mão direita e separar uma pilha de documentos com a mão esquerda, olha para o advogado jr. por cima dos milhares de pastas que estão em sua mesa e responde, na lata:

- É prazer !

Espantado com a rapidez e confiança da resposta do estagiario, o advogado jr. pergunta:

- Mas como você tem tanta segurança em sua resposta? - Ainda sem parar de trabalhar o estagiário responde:

- Porque se fosse trabalho quem tinha que comer ela era eu.