Pará investe em Cartografia e Geotecnologia

Na próxima segunda-feira, dia 18 de agosto, o Governo do Estado, por meio do Instituto de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental do Pará (Idesp), inicia uma série de atividades voltadas à qualificação técnica nas áreas de Cartografia e Geotecnologia.

Com o apoio do Ministério do Meio Ambiente (MMA), o primeiro curso da série abordará as ferramentas "I3Geo" e "Geonetwork", que devem apoiar a disponibilização de informações geográficas de todo o Estado por secretarias e órgãos de Governo, de acordo com o que já é feito pelo Governo Federal, através do Sistema de Bases Compartilhadas sobre a Amazônia (BCDAM).

Na prática, a iniciativa deve permitir que qualquer cidadão visualize, a partir de mapas gerados em um Portal na Internet, os limites estaduais, as bacias hidrográficas, as rodovias, os biomas e as áreas protegidas, entre vários critérios. Além disso, será possível organizar e garantir aos profissionais da área informações com valor cartográfico, tais como referências de autores, origem e data de criação dos arquivos e os métodos utilizados.

Participam do evento órgãos estaduais voltados às áreas de meio ambiente, fundiária, segurança pública, infra-estrutura e transportes, entre os quais se destacam as Secretarias de Governo (Segov), Meio Ambiente (Sema), Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Sedect), Fazenda (Sefa), Segurança Pública (Segup), Transportes (Setran), Integração Regional (Seir), Projetos Estratégicos (Sepe), o Instituto de Terras do Pará (Iterpa), a Agência de Defesa Agropecuária do Estado (Adepará), a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater), o Departamento de Trânsito (Detran) e o Banco do Estado Pará (Banpará).