Maçons amapaenses serão homenageados na Assembléia Legislativa do Amapá

Na próxima quarta-feira (20), às 9h30 a Assembléia Legislativa (AL) do Amapá, estará realizando uma Sessão Solene em homenagem ao Dia do Maçom. De acordo com o autor da proposição deputado, Michel JK (PSDB), também será comemorado os 20 anos de fundação da entidade no Estado. “É uma homenagem aos relevantes serviços prestados pela Grande Loja Maçônica do Amapá (Glomap)”, frisou o parlamentar, que estará homenageando três Paster Grão Mestre: Augusto Monte de Almeida, Jacy Jansen Costa e Manoel Maciel de Araújo, além dos veneráveis mestres das Lojas Maçônicas Osvaldo Ferreira da Silva Junior (Duque de Caxias nº 1), Walfredo Moura de Azevedo Costa (Acácia do Norte nº 2), André Luiz Alves de Lima (Cavaleiros do Setentrião nº 3), José Maria Pureza da Fonseca (Francisco Torquato de Araújo nº 4) e Jair José de Gouveia Quintas (José Alves Pessoa nº 5).

A entidade no Amapá teve inicio com a fundação no dia 24 de julho de 1947, da Loja Duque de Caxias, que recebeu da Grande Loja Maçônica do Pará o nº 16, atuando no Rito Escocês Antigo e Aceito. “Posteriormente, no dia 27 de dezembro de 1968, foi fundada a segunda Loja Maçônica amapaense, denominada Loja Acácia do Norte, sob o nº 31, esta trabalhando no Rito de York ou Rito de Emulação; passados 16 anos, em 17 de março de 1984, os amapaenses deliberaram pela fundação da Loja Cavaleiros do Setentrião nº 3, sob o nº 54 mantendo seus trabalhados no Rito Schröeder”, explica o Paster Grão Mestre, Jaci Jansen Costa.

Após este ato os maçons amapaenses reuniram-se no Tempo da Loja Duque de Caxias para deliberarem sobre o pedido de fundação da Grande Loja Maçônica do Amapá, visto que a fundação da terceira Loja Maçônica em Território amapaense preenchia o requisito legal, pois a partir de então havia três Lojas contemplando três Ritos. “Então foi apresentada a proposta para análise da Grande Loja Paraense e, após a concessão foi emitida a documentação legal, e devidamente instituída a Assembléia Constituinte para a criação da Constituição Maçônica”, informa Jaci Jansen Costa, que foi eleito o primeiro Grão-Mestre para conduzir a Glomap, tendo como Adjunto José Araguarino de Mont´Alverne. No próximo dia 20 será empossado para ocupar o Trono da Grande Loja amapaense e administrar a Glomap até o ano de 2009, Bernadino Senna Ferreira Filho, e seu Grão-Mestre Adjunto Luiz Holanda de Souza, eleitos pelo povo maçom do Amapá.

Everlando Mathias

Assessor de Comunicação da ALAP

(96) 3212-8311/9981-6281