Amapaenses ganham Centro Clínico de Reabilitação


A inauguração será nessa sexta-feira às 17h

Joicilene Santos

Macapá é uma das cidades brasileiras conhecidas por seus altos índices de acidentes de trânsito. Quando as pessoas não perdem a vida, sobrevivem com seqüelas. Encontrar atendimento adequado é um trabalho longo. São longas listas de espera e muita dor de cabeça. Os traumas são apenas uma das várias doenças que precisam do tratamento de reabilitação.

Parte dessa realidade começa a ser mudada. O Amapá recebe no dia 31 agosto o Centro Clínico Seama de Reabilitação. São mil metros construídos que ajudarão a reabilitar o sonho de pessoas que esperam longas filas para receber atendimento. O Centro vai auxiliar a população na recuperação da auto-estima, das potencialidades vocais, movimentos físicos e a saúde como um todo.

O Centro está localizado na avenida Piauí no bairro Pacoval, é uma das maiores Clínicas de Reabilitação do estado. A estrutura física proporcionará a prática acadêmica e a prestação de serviços em reabilitação. Estágio e atendimentos sociais estarão lado a lado no Centro de Reabilitação Seama.

Estágio

Os atendimentos serão efetivados através de estágios que cumprem a matriz curricular dos cursos. Cada atendimento seguirá orientações de um professor. Os pacientes serão pessoas de baixa renda que necessitam deste tipo de atendimento. A idéia é dar continuidade ao trabalho que vem sendo realizado desde o primeiro semestre de 2007.

Em abril deste ano, cerca de 50 acadêmicos saíram a campo para estagiar em sete pontos da capital e em menos de cinco meses de atividades atenderam aproximadamente 845 pacientes. Durante esses meses de atividade, casos sérios foram diagnosticados e tratados. A experiência foi socializada através da Reunião de Casos Clínicos em Fisioterapia da Seama ocorrida em junho. Agora esses pacientes poderão ser atendidos no Centro Clínico de Reabilitação Seama.

“Antes de inaugurarmos o Centro de Reabilitação realizávamos estágios em vários pontos de atendimento do estado. Agora que possuímos o Centro, vamos manter seis pontos de atendimentos e a demanda dos demais (Posto de Saúde São Pedro, Abrigo São José, Hospital das Clínicas Alberto Lima e Maternidade Mãe Luzia) será remanejada ao Centro Clínico de Reabilitação Seama”, explicou a coordenadora do curso de Fisioterapia da Faculdade Seama, Bianca Callegari.

Infra-estrutura

O novo espaço é amplo e possui uma estrutura inovadora. “O Centro Clínico de Reabilitação Seama está sendo construído há quase dois anos, agrega o melhor em termos de estrutura física. Nosso objetivo é reunir nossos acadêmicos para a prática de estágios e ao mesmo tempo ofertar a sociedade um retorno por meios de atendimentos facilitados”, explica o diretor-geral da Faculdade Seama, Carlos Edemar Scapin.

Os mil metros construídos foram divididos em espaços específicos para cada tipo de atuação. São consultórios, sala de espera, recepção, banheiros, vestiários para estagiários e docentes, quadra de esportes e a maior piscina térmica do estado. A acessibilidade também foi destacada nas estruturas, cadeirantes, deficientes físicos e visuais têm acesso e o espaço necessário para percorrer as instalações. O espaço gera entusiasmo no meio acadêmico.

“É gratificante saber que instituição na qual estudo possui compromisso social e quer dar sua parcela para construir uma sociedade melhor. E mais que isso proporciona a prática de estágios de forma adequada. Por isso estar aqui é mais que cumprir uma atividade acadêmica é contribuir com a saúde da população amapaense”, relatou a acadêmica de Fisioterapia, Heliane Braga.

O Centro Clínico Seama de Reabilitação vai funcionar diariamente de segunda a sexta-feira pela manhã e tarde. A direção da Seama já estuda a possibilidade de estender o horário pela parte da noite. Nesse período, serão ofertados cursos para profissionais e acadêmicos sobre atividades de Fisioterapia. Cada turno de atendimento terá um número mínimo de 15 estagiários. Estes terão o acompanhamento de seus professores.

Centro Clínico de Reabilitação Seama


Endereço: Avenida Piauí, 281, Pacoval entre as ruas Guanabara e São Paulo.