Praça Floriano Peixoto será entregue à comunidade na próxima segunda-feira

A praça Floriano Peixoto será reinaugurada nesta terça-feira, 15 de setembro. O espaço passou por um processo completo de revitalização feita pela Prefeitura de Macapá através da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SEMAM). Localizada no centro da cidade, a praça estava em estado de abandono, com canteiros, gramados, brinquedos e calçamento praticamente destruídos pelo tempo e falta de cuidados. Foram seis meses de trabalho que iniciaram nas primeiras semanas de setembro após a visita feita pelo prefeito Roberto Góes e o secretário Eraldo Trindade quando a praça foi escolhida, por diversos motivos, para ser a primeira a passar pela revitalização.

O paisagismo iniciou com a participação de crianças da rede pública que através do projeto Certificado Verde que incentiva os estudantes a plantar uma árvore, contribuir com a preservação do meio ambiente e se sentir responsável pelo planeta. Os brinquedos foram restaurados e as equipes de trabalho da Prefeitura se responsabilizaram pelo restante das áreas verdes e de concreto da praça. A limpeza dos lagos retratou como as pessoas tratavam o local. Da água foram retirada 1 tonelada de lixo, desde pedaços de eletrodomésticos, pneus, baterias de carro, celulares e muitas garrafas e latas.

A revitalização inclui algumas novidades, como a volta dos pedalinhos que foram retirados da praça há mais de cinco anos, iluminação colorida, com destaque para o verde, e o chafariz colocado no lago de menor porte. A reforma trouxe de volta as famílias que até o ano passado foram substituídas por viciados e vândalos que afastaram a comunidade. Outra medida tomada pela Semam foi a destruição da lanchonete que foi transformada em bar. No local será construída a Biblioteca Popular, que será um espaço de diversão e conhecimento na beira do lago. As placas com poesias de autores amapaenses serão recolocadas em novo formato.

A reinaguração irá iniciar às 19:00 e terá diversão para todas as idades. Está programada queima de fogos, show de artistas locais, homenagens aos moradores mais antigos, atrações circences, distribuição de pipoca e algodão-doce.

Mariléia Maciel