Embrapa Amapá transfere tecnologia de pecuária leiteira na Agropesc

A pecuária de leite poderia se tornar um filão de renda em comunidades de agricultura familiar do Amapá. O estado dispõe de clima favorável e posição geográfica adequados para esta atividade. Porém, é preciso também seguir padrões higiênicos e sanitários e uma forte política pública de consumo pela população local. Como parte do esforço para inserir o estado no processo de melhoria da sua pecuária leiteira, a Embrapa Amapá vai realizar uma atividade de capacitação sobre o assunto para um grupo de criadores do estado durante 22ª Feira de Agricultura, Pecuária e Pesca do Amapá (Agropesc), que acontece de 29 deste mês a 6 de outubro.

A palestra envolverá a participação de técnicos do Rurap, órgão responsável pelas atividades de extensão rural no estado, da Delegacia do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) no Amapá e da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Rural (SDR). Na ocasião, a Embrapa vai apresentar uma proposta de diagnóstico da pecuária de leite no território Norte do Amapá, assunto que vem sendo discutido entre técnicos da instituição de pesquisa e dos órgãos parceiros.

O pesquisador Paulo Meirelles vai conversar com os pecuaristas sobre os procedimentos indispensáveis para obtenção de um leite de qualidade, a partir do que é recomendado pela Instrução Normativa publicada pelo Ministério da Agricultura. A capacitação focada na pecuária leiteira é uma iniciativa do Ministério do Desenvolvimento Agrário, que conta com a parceria com a Embrapa na disseminação da informação tecnológica para o sistema produtivo.

No mês passado, 54 técnicos de extensão rural de todos os estados do Brasil - inclusive dois do Rurap - e 14 pesquisadores de várias unidades da Embrapa, reuniram-se na Embrapa Gado de Leite (Juiz de Fora -MG) para conhecer o programa de capacitação do MDA voltado para o incremento da pecuária leiteira. Os extensionistas se atualizaram sobre diversos aspectos da atividade, como melhoramento animal e vegetal, reprodução, alimentação, manejo e qualidade do leite.

Dulcivânia Freitas