Ingra Liberato no Festival Macapá de Cinema.

O II Festival Macapa de Cinema e Video tem inicio neste sabado (22/09) em grande estilo. Ingra Liberato, vencedora do Kikito de melhor atriz no festival de Gramado deste ano, por sua atuacao no longa "Valsa para Bruno Stein" sera a mestre de cerimonias. Alem dela, durante todo o festival muitos outros nomes expressivos do circuito do cinema nacional estarao em Macapa para prestigiar o evento e acompanhar a exibicao de suas obras. Uma extensa programacao marcara esta semana. De 22 a 29 de setembro Macapa transpirará artes visuais, com cinema nacional, cinema regional, curtas, longas, filmes premiados, outros amadores, documentarios, ficcao, comedia, oficinas de cinema, cinema itinerante, enfim, tem atividades para todos os gostos e horarios. E uma oportunidade dos amantes das artes-visuais se deliciarem com o que ha de melhor na filmografia atual. Fique por dentro de toda a programacao e defina sua rota cultural para esta semana. (programacao completa em anexo).

Rita Torrinha

 

PROGRAMAÇÃO COMPLETA
II FESTIVAL MACAPÁ DE CINEMA E VÍDEO

22/09
20 horas - Cerimonial de Abertura
20:30 - Mostra Competitiva (Teatro das Bacabeiras)
O som da luz do trovão, de Petrônio Lorena
Eu me lembro, de Edgar Navarro

23/09
16hs - Mostra Amapaense (Sesc Araxá)
“Mãos de Santana”, de Regis Cavaleiro
“Civilizações Maracá e Cunani”, de Thomé Azevedo
“Louceiras do maruanum”, de Ana Vidigal e Anderson Virino
“Fut-lama, um espetáculo no rio Amazonas”, de Regis Cavaleiro
“Roteiro Turístico”, de Jose Reis Filho
“As mãos da mãe do barro”, de Gavin Andrews
17:30 - Bate Papo com Claudino Jesus, Presidente do CNC - Conselho Nacional de Cineclubes (Sesc Araxá)
19:00 - Cinema Voador - exibição ao ar livre em bairros da cidade
Sinistro, de René Sampaio
Iracema - Uma transa Amazônica, de Jorge Bodansky e Orlando Senna
20:30 - Mostra Competitiva (Teatro das Bacabeiras)
Bolo de Morango, de Júlia Jordão
Ilha da morte, de Wolney Oliveira


24/09
16hs - Mostra Amapense (Sesc Araxá)
“O vaso”, de Marcos de Oliveira
“O Arroto do Boitatá”, de Sandra Rocha
“A missão”, do grupo de alunos da escola Joanira Del Castillo
“Macapá pra se viver”, de Thomé Azevedo
19:00 - Cinema Voador - exibição ao ar livre em bairros da cidade
Tepê, de José Eduardo Belmonte
A Marvada Carne, de André Klotzel
20:30 - Mostra Competitiva (Teatro das Bacabeiras)
Dia de folga, André Carvalheira
Árido Movie, Lírio Ferreira

25/09
16hs - Mostra Amapense (Sesc Araxá)
“Ministério Publico do Estado do Amapá”, de Sândala Barros
“Linguagem semiótica e ética, Bronca pesada: um estudo de caso”, de Germana Duarte, Tatiana Guedes e Sândala Barros
“Coletânea de Santana”, de Thomé Azevedo
19:00 - Cinema Voador - exibição ao ar livre em bairros da cidade
Leo 1313, de Betse de Paula
Louco por cinema, de André Luiz Oliveira
20:30 - Mostra Competitiva (Teatro das Bacabeiras)
Rap, o canto da Ceilândia, de Ardiley Queiroz
Pro dia nascer feliz, João Jardim

26/09
16 horas - Mostra Amapaense (Sesc Araxá)
“Vidama”, de Daniel Rocha e Thomé Azevedo
“Magrelas”, de Bruno Vinícius Simões
“O jornalismo caboclo de Hélio Pennafort”, de Gilvana Batista e Tanha Silva
“Teatro e vida”, Daniel Rocha e Thomé Azevedo
19:00 - Cinema Voador - exibição ao ar livre em bairros da cidade
Momento Trágico, Cibele Amaral
Araguaya - a Conspiração do Silêncio, de Ronaldo Duque
20:30 - Mostra Competitiva (Teatro das Bacabeiras)
A espera da morte, André Luis da Cunha
O engenho de Zé Lins, de Vladimir Carvalho

27/09
16 horas - Mostra Amapaense (Sesc Araxá)
Alô, Alô Amazônia, de Gavin Andrews
19:00 - Cinema Voador - exibição ao ar livre em bairros da cidade
O homem, de René Sampaio
No coração dos deuses, Geraldo Moraes
20:30 - Mostra Competitiva (Teatro das Bacabeiras)
Noite de Marionetes, de Haroldo Borges
Cinema, Apirinas e Urubus, de Marcelo Gomes


28/09
16 horas - Mostra Amapaense (Sesc Araxá)
“Travessia da Ilusão”, de Regis Cavalero
19:00 - Cinema Voador - exibição ao ar livre em bairros da cidade
Retratos e borboleta, Yanko Del Pino
Atlântico negro, na rota dos orixás, de Renato Barbieri
20:30 - Mostra Competitiva (Teatro das Bacabeiras)
Rapsódia para um homem comum, de Camilo Cavalcante
O Céu de Suely, de Karim Aïnouz

29/09
Encerramento
20:30 - Hors Concours - Mostra Competitiva (Teatro das Bacabeiras)
Premiação da Mostra Competitiva e Mostra Amapaense
O Dono do Mar - Odorico Mendes

OFICINAS
De 23 a 28 de setembro, das 8 às 12 horas - Sesc Araxá
Inscrições no próprio Sesc Araxá até 20 de setembro, regulamento e ficha de inscrição no site www.festivalmacapa.com.br

ROTEIRO E LINGUAGEM CINEMATOGRÁFICA
De 23 a 28 de setembro, das 8 às 12 horas, Sesc Araxá - Teatro Porão
Sob a orientação do cineasta Renato Barbieri, esta oficina terá como base a narrativa documental e será dividida em dois módulos. O primeiro módulo apresentará um rápido histórico da evolução do documentário, desde os Irmãos Lumière, até as produções mais recentes, brasileiras e mundiais. Após esse módulo, os participantes da Oficina serão agrupados segundo suas afinidades narrativas, para o desenvolvimento de seus roteiros.
Renato Barbieri, cineasta com experiência em televisão, documentário e ficção, é diretor desde 1984, como integrante da produtora paulista "Olhar Eletrônico". Dirigiu o "Jornal de Vanguarda", na Band, e realizou 25 documentários, dentre os quais "Atlântico Negro ? Na Rota dos Orixás", "A Invenção de Brasília", "A Liga da Língua", "Do Outro Lado da Sua Casa" e "Malagrida". O filme "As Vidas de Maria" marca sua estréia na ficção. Seus projetos e filmes venceram 27 prêmios.


PRODUÇÃO, FORMATAÇÃO DE PROJETOS
De 23 a 28 de setembro, das 8 às 12 horas, Sesc Araxá - Sala Charles Chaplin
A oficina de produção, sob a orientação do produtor Marcio Curi, tratará da formatação de projetos, com vista a habilitação nas leis federais de incentivo e à participação nos concursos nacionais de projetos como Doc TV, Revelando os Brasis, Curtas do Minc, Curtas Infanto-juvenis do MinC, Animação do MinC, Petrobras curta-metragem, Petrobras mídias digitais etc. Durante a realização da oficina, os participantes, divididos em grupos, desenvolverão alguns projetos escolhidos na abertura da oficina.
Marcio Curi - Cineasta e produtor, com atuação em cinema desde 1967. Participou da produção de 14 longas-metragens (seis deles premiados), mais de 30 curtas-metragens (doze premiados). Na sua filmografia destacam-se os longas "Filhas do Vento", de Joel Zito Araújo, com 8 kikitos no Festival de Gramado 2004, "Araguaya, a Conspiração do Silêncio", de Ronaldo Duque, "Louco Por Cinema", de André Luiz Oliveira, com 6 Candangos no Festival de Brasília do Cinema Brasileiro, de 1994 e, "Cascalho", Melhor Filme do I Festival Macapá de Cinema e Vídeo.


PROCESSO DE PRODUÇÃO DA IDÉIA À FINALIZAÇÃO

De 23 a 28 de setembro, das 8 às 12 horas, Sesc Araxá - Salão de Eventos
Sob a responsabilidade do cineasta e documentarista Hermano Figueiredo, o passo a passo da realização, as diversas fases. ... de como transformar uma boa idéia num bom projeto ... da definição da forma de abordagem a escolha da narrativa ... de como contar algo por imagens. Exibição comentada e debatida de filmes do orientador Hermano Figueiredo e de outros cineastas.
Hermano Figueiredo é um ativista do Cinema Nacional, posiciona-se no conteúdo de suas produções, como um apaixonado por cinema. Líder do Movimento Sem Tela, tem satisfação em levar o cinema àqueles que não tem acesso e sair por aí, por cidadezinhas do interior do Brasil, projetando filmes em rede de dormir, vela de jangada e até em barriga de vaca! Para Hermano o cinema é concluso em si e não precisa de grandes salas com ar condicionado e refrigerante de balde para que seja uma experiência mágica. Paralelamente desenvolve sua produção pessoal e atua na ONG Ideário Comunicação e Cultura (http://www.ideario.org.br/). Na sua filmografia destacam-se os trabalhos: “São Luis Caleidoscópio” - documentário, cor, 35mm, (2000), “Choveu e daí?” - documentário, cor 35mm, 11min (2002) “O que vale no vale” - documentário, 19 minutos, betacan (2003) “Mirante Mercado” - telefilme documentário, 55 minutos, digital (2004) e “A última feira” - documentário, 15 minutos, betacan.

Sesc Araxá
Rua Jovino Dinoá, 4311 - Beirol
Fone: (96) 3223-8411

Teatro das Bacabeiras
Rua Cândido Mendes, s/n - Centro
Fone: (96) 3212-5118