“A Travessia”- Sobre textos e plágio.

“Prezado Corrêa,

Sabedor e conhecedor do seu importante papel, não só como jornalista, mas principalmente como divulgador do nosso cotidiano, que extrapola a via jornalística, destacando valores culturais do nosso torrão e outros nem tanto, alertar-lhe para a utilização de sua página para fins pouco elogiáveis. Refiro-me às mensagens divulgadas pelo escritor juiz Heraldo Costa, a primeira há alguns dias, sob o título "CICLOS" e agora "A TRAVESSIA", quando sem qualquer "ansiedade de consciência no julgamento dos próprios atos" ou "delicadeza de caráter", troca os títulos, se autodenomina autor das obras, lançando seu nome em destaque sob o título ou ao final do texto e, pior ainda, inserindo parte de texto de outro Autor (Fernando Pessoa) fazendo referência, como para parecer e demonstrar que a obra principal dele se originou. Espero que a partir de então, o escritor juiz Heraldo Coelho Pessoa Carizza divulgue seus próprios feitos ou, pelo menos, dê os créditos a quem realmente faz jus, os autores das obras, no caso e até então, os escritores Paulo Coelho ("Encerrando Ciclos") e Suzana Carizza - "Uno Crece" ("Através do caminho") obra onde tão bem destaca que se "...cresce quando é forte de caráter, sustentado por sua formação, sensível por temperamento... e humano por nascimento". Gostaria de ver divulgada esta denúncia de plágio. Amaury Nonato Góes”. >>> Sobre o alerta. A única censura que nos permitimos é quanto ao respeito aos freqüentadores deste site, que poupamos de reações de baixo nível. As divergências são manifestadas da forma como você está fazendo, e tratadas do mesmo jeito, com a garantia de espaço para o autor do texto contestado.