Câmara aprova sessão itinerante no Pacui.


Na próxima quinta-feira, 25 de outubro, acontece no distrito de Pacuí a sessão itinerante da Câmara de Vereadores de Macapá. È o terceiro distrito a receber a comitiva de vereadores, Bailique já havia sido palco anteriormente das sessões proposta pelo vereador Clécio Luís (P-SOL) e aprovada. As itinerantes nos bairros e distritos estão previstas no regimento interno da Câmara, porém só foram retomadas por Clécio no início de seu mandato, em 2005. Segundo o vereador, o descaso de autoridades com bairros principalmente de periferia faz com que a própria comunidade sinta necessidade de falar de seus problemas com os vereadores.

A sessão é considerada ordinária seguindo os trâmites normais e durante uma hora e meia o povo usa a tribuna para se manifestar, discutir e dar sugestões. Qualquer cidadão pode usar a tribuna, o que é considerado o momento máximo da sessão. “A diferença fundamental entre a sessão itinerante e a que acontece na câmara é que nos bairros e distritos os vereadores vêem de perto as dificuldades do povo, saem do ar-condicionado e do carpete e vão pra rua, é um dos poucos momentos em que a maioria dos cidadãos têm oportunidade de falar diretamente conosco ”, fala o vereador.

Em 2005, primeiro bairro a ter a sessão foi o Araxá, onde o resultado já pode ser visto. A passarela que era usada para unir o bairro às Pedrinhas e usada principalmente por estudantes e trabalhadores era sem iluminação, coberta de mato e local de violências como assaltos e tentativas de estupro. Após a sessão o relatório foi encaminhado a autoridades competentes pela Câmara e o Governo do Estado fez a obra.

Os moradores costumam participar ativamente das sessões, em média na sede do município participam aproximadamente 300 pessoas, nos distritos esse número reduz mas a representatividade é considerada positiva pelo vereador. “No Bailique todas as comunidades estavam representadas, ouvimos todas as lideranças e isso é muito importante pois nem todos têm acesso às sessões na Câmara e nem aos vereadores, são muitos os moradores que nem conhecem seus representantes”, diz o vereador.

Além do Pacuí o vereador Clécio já protocolou requerimento solicitando sessões para os bairros do Zerão, Pedrinhas, Marabaixo, Cidade Nova I e II entre outros.

Mariléia Maciel