POLÍCIA FEDERAL INDICIA DETENTO QUE GERENCIAVA TRÁFICO DE DROGAS DE DENTRO
DO IAPEN
04/10/2007

No dia 10/09/2007, denúncia anônima levou a Polícia Federal a prender em flagrante Douglas de Souza da Conceição, 24 anos, no momento em que desembarcava no Porto do Grego, em Santana/AP, portando 8,5 Kg de pasta base de cocaína, no interior de uma bolsa.

A partir daí, investigação levada a cabo pelos policiais federais logrou êxito em identificar Raimundo Nunes Íris Penha, 54 anos, detento que já se encontrava custodiado no IAPEN cumprindo pena por tráfico de drogas, como sendo o verdadeiro dono da cocaína apreendida. Douglas era somente o "mula", expressão que, no jargão do tráfico, significa a pessoa utilizada para transportar o entorpecente.

Raimundo Penha é companheiro de cela, no IAPEN, do primo de Douglas, Raimundo Lobato Furtado Júnior, 26 anos, vulgo "Juninho", Em seu interrogatório junto à Polícia Federal, "Juninho", ocorrido ontem (3/10), detento que cumpre pena por roubo à agência do Banco do Brasil S.A. em Macapá/AP, afirmou ter feito a Douglas a proposta para que trouxesse a droga pertencente a Raimundo de Manaus/AM para Macapá/AP.

Interrogado, também na data de ontem (03/10), Raimundo confirmou à Polícia Federal toda a transação, dizendo ter financiado a ida de Douglas até Manaus/AM de avião e seu retorno para Macapá/AP de barco. Raimundo disse, também, ter se comunicado e transmitido orientações a Douglas durante toda a viagem realizada para buscar a droga, através de telefone celular que possuía em sua cela no IAPEN.

Os três envolvidos na transação criminosa foram indiciados como incursos nas penas previstas para o tráfico de drogas e associação ao tráfico, artigos 33 e 35 da Lei 11.343/06.

Comunicacao Social da Sr/DPF/AP