Bairro da Indústria na Feira do Empreendedor vai mostrar novidades para a economia amapaense

No Bairro da Indústria o segmento de panificação, confecção, jóias e oleiro cerâmico apresentarão as oportunidades de negócios para o Amapá.

Fernanda Picanço
Colaboração: Nelma Pires

O Bairro da Indústria foi idealizado para compor o cenário na Feira do Empreendedor. O objetivo será mostrar aos visitantes, no período de 25 de novembro a 1º de dezembro, as oportunidades de negócios para os segmentos econômicos da panificação, confecções, jóias e oleiro cerâmico, visando com isso, criar um ambiente com a dinâmica necessária à indução desses negócios no Estado do Amapá.

Segundo a gestora do projeto Oleiro Cerâmico e Panificação Competitiva do Sebrae, Nelma Pires, o grande diferencial desse bairro vai ser a apresentação do processo produtivo dos segmentos com demonstração, ou seja, mini-fábricas serão montadas com produção em tempo real, para que o empreendedor tenha o conhecimento necessário de como funciona na prática. “Para cada segmento, uma atração especial e diversificada está planejada para atender as expectativas dos visitantes, a finalidade é despertar a atenção e o interesse do empreendedor”, destaca.

De acordo com a gestora, no setor de panificação haverá uma unidade de produção montada com produtos de panificação e confeitaria, como pães, bolos e tortas que serão fabricados pelos empresários, diariamente, juntamente com os produzidos pelo programa Cozinha Brasil, do Serviço Social da Indústria (Sesi), tais como sucos e patês elaborados a partir de frutos regionais e talos de alface, couve e outros. O objetivo será proporcionar degustação aos visitantes em horários diferenciados.

Durante a fabricação os donos de padaria e seus colaboradores irão receber consultoria sobre boas práticas de fabricação, visando eliminar as práticas não adequadas ao processo de produção. O Senai (Serviço Nacional de Prendizagem Industrial) será parceiro com instalação de máquinas e equipamentos.

Os segmentos de panificação e confecção, por meio dos projetos Panificação Competitiva e Confecções da Região Urbana, são os mais novos setores econômicos a fazerem parte da carteira de projetos do Sebrae no Amapá, a partir de 2008. Na ocasião de realização da Feira do Empreendedor estarão sendo apresentados ao público e lançados oficialmente para conhecimento dos visitantes