Governador Camilo Capiberibe entrega notebooks do Programa Professor Conectado

O governador Camilo Capiberibe iniciou nesta quarta-feira, 1º de agosto, a entrega dos notebooks do Programa Professor Conectado. Essa ação faz parte do Programa de Obras e Ações para Mudar o Amapá (PROAMAPÁ). A cerimônia de entrega ocorreu durante a inauguração da Escola Estadual Professora Rodrigues de Carvalho Gonçalves Jacinta Maria, no bairro Vale Verde.

Foram entregues cerca de 200 computadores para os docentes das escolas dos bairros adjacentes, entre eles das Escolas Estaduais: José do Patrocínio; Maria Angélica; Margarida Rocha; Ivanhoé Gonçalves; Ana Dias e do Centro Educacional Nossa Senhora de Nazaré.

O Programa Professor Conectado foi uma promessa de campanha do governador Camilo Capiberibe, que começa a ser cumprida. Serão distribuídas 7.500 máquinas até o final de setembro de 2012. O governo do Estado investiu R$ 15,886 milhões, oriundos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), para a aquisição dos equipamentos.

A professora Elizangela Pinheiro, uma das primeiras beneficiadas, disse que está muito feliz em participar do Programa Professor Conectado, uma vez que ele tem o objetivo de melhorar o nível da qualidade de ensino no Amapá.

“Gostaria de parabenizar o governador por está cumprindo com os seus compromissos e assim valorizando a categoria dos professores. Nós precisamos utilizar essa ferramenta de forma adequada, porque assim nós iremos diminuir a evasão escolar e assim melhorar a qualidade de ensino nas nossas escolas, com isso quem ganha é a sociedade de modo geral”, disse a professora da Escola Estadual Margarida Rocha.

Segundo o secretário de Estado da Educação, Adalberto Ribeiro, a Seed está trabalhando para melhorar a qualidade de ensino. “Nós verificamos que o PROAMAPÁ Educação está agindo em várias frentes, pois nós temos merenda regionalizada nas escolas, os notebooks do Programa Professor Conectado e ainda estamos trabalhando a valorização do profissional da educação e investindo na qualificação pedagógica. Se conseguirmos combinar bem esses quatro grandes fatores nós iremos melhorar a Educação do Estado do Amapá”, falou o secretário.

O governador Camilo Capiberibe enfatizou que os notebooks são ferramentas para serem utilizadas a favor da educação, porém, a máquina é do professor e pode ser levada para onde ele for.

“É muito importante lembrar que os notebooks foram comprados com recursos públicos, ou seja, vieram do imposto do cidadão. Logo, ele é um patrimônio da Educação, os professores devem lembrar que aquela ferramenta não é só um aparelho, pois vêm programas educacionais que irão facilitar a preparação da aula, e os programas podem ser atualizados pela internet enquanto ele dispor da máquina”, pontuou o governador.

Camilo Capiberibe irá continuar as entregas dos notebooks do Programa Professor Conectado nesta quinta-feira, 2, no Bailique, onde cerca de 50 máquinas serão distribuídas aos docentes da localidade.

A máquina

Os professores receberam o notebook com programas de conteúdo educacional para auxiliar nas aulas, incluindo disciplinas como educação ambiental. As ferramentas do equipamento atendem aos objetivos do programa, que é promover a inclusão digital de professores e alunos, além de melhorar o nível da educação com ferramentas tecnológicas e avançada pedagogia.

Mesmo em lugares onde a internet ainda não é realidade, os educadores terão acesso a pesquisas, informações e projetos complementares. Com o notebook, os professores irão repassar educação qualificada e atualizada para os alunos do ensino fundamental e médio.

Adryany Magalhães/Seed

2 comentários sobre “Governador Camilo Capiberibe entrega notebooks do Programa Professor Conectado”

  1. josé alfaia diz:

    essa bôa idéia deveria ser levada para todas as localidades.

  2. Flávio Henrique de Barros diz:

    O computador é um financiamento federal. O marketing do governo deveria parar com essa, sistemática, prática de apresentar o Camilo como o supergovernador. É desgastante! O secretário de educação seria a pessoa indicada representando o governo. Os holofotes que iluminam também cegam. Chega de nepotismo, `oligarkhía`, de um governo onde a mulher paulista do governador é a sombra de poder, quem manda na realidade, chegando a, diariamente, dar expediente no palácio do governo, sala ao lado do gabinete do governador. Não é à toa que o comentário de que o “governador usa saias” está cada vez mais forte no Amapá!

Deixe um comentário

Nota do moderador: Comentários preconceituosos, racistas e homofóbicos, assim como manifestações de intolerância religiosa, xingamentos, ofensas entre leitores, contra a publicação e o autor não serão reproduzidos. Não é permitido postar vídeos e links. Os textos devem ter relação com o tema do post. Não serão publicados textos escritos inteiramente em letras maiúsculas. Os comentários reproduzidos não refletem a linha editorial do site.

Desenvolvido por Claudio Correia - Adm