Exposição de quadros “Amapá-Amazônia-Brasil” encanta o público na 49ª Expofeira

A exposição de quadros denominada “Amapá-Amazônia-Brasil”, do artista plástico Herivelto Maciel, está encantando o público que tem visitado diariamente o Pavilhão Internacional de Oportunidades de Negócios da 49ª Expofeira Agropecuária.

As telas pintadas pelo artista amapaense retratam o cotidiano, paisagens, a biodiversidade da Amazônia, por meio de imagens cênicas da cidade, pessoas e personagens de destaque, florestas, animais, dentre outros

Muitos visitantes que estão prestigiando a 49ª Expofeira aprovaram as telas expostas no Pavilhão, como relata o universitário Igor de Freitas. “A Expofeira este ano está muito organizada, cheia de novidades, inclusive podemos apreciar essa arte tão maravilhosa que é a pintura, essas telas são lindas”, relatou.

Para Herivelto Maciel, a Expofeira é maior vitrine de negócios e é um dos eventos onde as suas peças podem ser vistas por um número grande de pessoas. “Considero a Expofeira o maior evento do Estado e, com certeza, o que dá mais visibilidade para meus trabalhos. É uma oportunidade de se fazer negócios, prova disso é que já vendi uma tela de R$ 20 mil. Mas não é só vender, eu divulgo meu trabalho e recebo diversas encomendas.

O artista plástico foi convidado pelo governo estadual e as suas telas estão em exposição distribuídas em dois espaços, dentro do Pavilhão Internacional de Negócios e em outro estande próximo à entrada principal da feira.

Além da tinta acrílica usada em seus quadros, Herivelto trabalha também com com técnicas refinadas em resinas da mata como o açaí, urucum e com pirogravuras.

Perfil
Nascido no Amapá, o artista plástico de 60 anos Herivelto Brito Maciel permanece com seus pés enraizados em terras tucujus, olhando e descrevendo através da pintura a beleza do Estado mais preservado do Brasil, o Amapá.

Filho de um indígena e de uma lavadeira, o pintor reconhecido por premiações locais e nacionais, se define usando uma palavra contraditória para destacar seu talento autodidata. “Sabe, eu nasci com esse defeito, desde pequeno desenho e pinto”, descreveu.

Algumas de suas premiações que lhe dão muito orgulho são as composições dos Brasões de Armas do Estado do Amapá e do Município de Macapá, vencidas em concursos e hoje patrimônios dos governos estadual e municipal.

Herivelto já foi casado cinco vezes, tem dez filhos e alguns netos. Além de pintor, é funcionário público federal e diz que sua arte é para o povo do Amapá. “Meus trabalhos são o povo amapaense, o Estado, tudo que vejo gosto de registrar, mandar para minhas telas. Agradeço ao governo estadual pelo convite de poder estar na 49ª Expofeira, um ótimo lugar para expor meus quadros”, enfatizou.

Lilian Monteiro/Seicom

Deixe um comentário

Nota do moderador: Comentários preconceituosos, racistas e homofóbicos, assim como manifestações de intolerância religiosa, xingamentos, ofensas entre leitores, contra a publicação e o autor não serão reproduzidos. Não é permitido postar vídeos e links. Os textos devem ter relação com o tema do post. Não serão publicados textos escritos inteiramente em letras maiúsculas. Os comentários reproduzidos não refletem a linha editorial do site.

(Digite os números abaixo)

Desenvolvido por Claudio Correia - Adm
Iniciado em 16/07/2012