Empossados os novos diretores da Companhia de Eletricidade do Amapá

Foram empossados na manhã desta quarta-feira, 12, o engenheiro eletrônico Jucicleber Castro, como diretor-operacional e o engenheiro eletricista Ubiracy do Amaral, como diretor de Planejamento e Expansão, ambos compondo a Diretoria Executiva da Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA). O ato de posse foi conduzido pelo Conselho de Administração da CEA (Consad), que acatou as indicações feitas pelo governador Camilo Capiberibe, na condição de acionista majoritário da estatal.

A reestruturação da Diretoria Executiva ampliando sua composição para 4 diretorias consta no Protocolo de Intenções para a federalização da CEA e foi discutida e definida em conjunto pelas equipes da CEA e Eletrobras, com aprovação do Consad. Pela nova estrutura permanecem a Presidência e a Diretoria Administrativa e Financeira (DAF) com mudanças na Diretoria Técnica, que é substituída pela Diretoria de Operação e com a criação de uma quarta Diretoria de Planejamento e Expansão.

Jucicleber Castro foi o primeiro a ser empossado pelo presidente do Consad, Claudio Pinho, por estar apenas cumprindo rito devido à mudança de nome da sua diretoria. “Agradeço a oportunidade de retornar e poder contribuir com a sociedade do Amapá nesse importante momento que passa a Companhia”, disse o diretor de Operação.

O conselheiro Raimundo Guedelha destacou a importância da área operacional para o setor elétrico, citando exemplo do funcionamento de outras empresas como a Eletronorte. “Espero que você faça um belo trabalho”, finalizou após reconhecer a competência do diretor Jucicleber.

“Confio no potencial do Jucicleber, na sua competência, e sei que vai ajudar a construir esse processo de mudança na CEA”, destacou o conselheiro Benemar dos Santos. Opinião corroborada pelo conselheiro Jupiara Ribeiro Junior, que falou ser necessário ajustar a empresa aos moldes do Protocolo.

Claudio Pinho deu andamento ao rito declarando que a nova diretoria foi criada sem nenhum custo adicional, apenas com remanejamento de funções e divisões. Ele fez a leitura do ofício encaminhado pelo governador Camilo indicando Ubiracy do Amaral e, diante do voto dos conselheiros, deu posse ao engenheiro para ocupar mais um assento na Diretoria da CEA.

O presidente do Consad ressaltou que o recém-empossado transita com facilidade e tem respeito da equipe técnica da empresa. “Acredito que o Bira (Ubiracy) vai dar grande contribuição à CEA junto com o Jucicleber, Azolfo e Ramalho”, disse Claudio Pinho, desejando sucesso a todos.

O diretor Jucicleber parabenizou Ubiracy, relembrou seu trabalho na Diretoria Técnica e como chefe da Divisão de Distribuição (DDI) e destacou seus conhecimentos técnicos. “Estou muito feliz com a tua indicação pelo governador Camilo que acertou na escolha”, finalizou.

“Estamos todos aqui, diretores e conselheiros em uma missão que está quase chegando ao fim”, disse o presidente da CEA, José Ramalho, ao iniciar seu pronunciamento. Destaco que estamos fazendo história com a decisão política do governador Camilo, e se essa decisão não tivesse sido corajosamente tomada não teríamos avançado tanto diante do tamanho do problema encontrado. “Cada um aqui, da CEA, teve sua parcela de contribuição nesse momento histórico de transição”, enfatizou Ramalho.

O presidente informou que nas primeiras tratativas com a Eletrobras foi colocada a necessidade de criação dessa nova diretoria por causa da proximidade da interligação do Amapá ao Sistema Interligado Nacional (SIN). “A Diretoria de Planejamento e Expansão é uma necessidade para o crescimento da empresa que está em vias da interligação ao SIN, e a CEA precisa ter um setor específico para essa finalidade”, afirmou.

“Além de ser um dos melhores técnicos do setor é um ser humano forjado na ética e na moralidade. A indicação do governador não poderia ter sido melhor e acredito que você, Bira, vai ter um excelente desempenho nesta nova missão”, declarou Ramalho.

O presidente da CEA destacou ainda que o engenheiro acompanhou ele e o governador em todas as tratativas feitas em Brasília (DF), junto ao Ministério de Minas e Energia (MME) e Eletrobras, tendo, portanto, todo o conhecimento do processo de federalização da Companhia.

Ubiracy do Amaral destacou o trabalho do presidente Ramalho e da diretoria quando assumiram a CEA. “Ano passado encontraram uma empresa sem contrato de concessão, sem energia para geração e sem perspectivas de solução porque não dependiam só da empresa e hoje ele enxerga a proximidade dessa solução”, disse.

O novo diretor da CEA disse ainda que está ciente da responsabilidade e também do caráter interino da missão, mas que está muito motivado a colaborar com a empresa. “Essa nova área é de grande importância e estratégica para melhorar os serviços para a população”, finalizou Ubiracy.


Gilvana Santos/CEA

Um comentário sobre “Empossados os novos diretores da Companhia de Eletricidade do Amapá”

  1. Zema diz:

    Parabens ao Bira. Já era hora. É um grande engenheiro, com bastante equilibrio dentro da empresa. Vai fazer uma boa gestão. UM abraço, camarada.

Deixe um comentário

Nota do moderador: Comentários preconceituosos, racistas e homofóbicos, assim como manifestações de intolerância religiosa, xingamentos, ofensas entre leitores, contra a publicação e o autor não serão reproduzidos. Não é permitido postar vídeos e links. Os textos devem ter relação com o tema do post. Não serão publicados textos escritos inteiramente em letras maiúsculas. Os comentários reproduzidos não refletem a linha editorial do site.

 
Desenvolvido por Claudio Correia - Adm
Iniciado em 16/07/2012